O que você, jovem, precisa saber!

Nas últimas semanas você provavelmente já se deparou com vários comentários sobre a série 13 Reasons Why da Netflix (isso se você já não se deparou com a própria série), que tem gerado tanta polêmica. Seja qual for o caso, precisamos conversar sobre os assuntos que são colocados em pauta nessa nova temporada.

Suicídio, violência escolar e tiroteio, abuso de substâncias, abuso sexual, assédio moral, bullying… A realidade de muitos jovens é regada a todos esses problemas e cá entre nós, podem causar consequências graves, não só físicas, mas também psicológicas.

Então, a primeira coisa a ser dita aqui é: se você, jovem, estiver passando por qualquer tipo de pressão psicológica, humilhação, esteja lidando com traumas ou assédio, seja na escola, em casa ou em qualquer outro lugar, não se cale! Diferente do que pode parecer nesses momentos estressantes, você importa, sua vida importa e existem pessoas dispostas a te ouvir.

Suicídio

Esse é o tema principal da série: Hannah é jovem e vive na pele as dificuldades das transformações da adolescência. Então, se você, assim como ela, estiver passando por alguma crise, não se assuste, você não é fraco e nem está sozinho. Caso se sinta desesperançoso, preso ou sofrendo, existem maneiras de ajudá-lo a lidar, sobreviver e se recuperar!

Deixar que a tristeza e a sensação de impotência tomem conta dos seus pensamentos pode fazer com que você se sinta deprimido, desesperado e, em último caso, suicida. Às vezes há outras doenças que contribuem para alguém se tornar suicida, como transtorno bipolar, ansiedade, esquizofrenia e / ou abuso de substâncias. A boa notícia é que se pudermos ver os sintomas dessas doenças cedo e conseguir alguém para ajudar, muitas vezes podemos evitar um suicídio.

Como você mesmo pode se ajudar?
Tenha um plano de segurança. Isso significa se preparar para uma crise severa e inclui conhecer os gatilhos (imagens, pensamentos, humores, situações e comportamentos) que podem desencadeá-la, assim como ter uma lista de estratégias de relaxamento.

O que te tranquiliza nesses momentos e que você pode fazer por si mesmo?
Tomar um banho quente, dar uma volta no parque ou até mesmo no quarteirão, dormir também pode ajudar, o simples ato de se permitir algum tempo para refletir sobre as circunstâncias poderá mudar sua perspectiva. Além disso, se em algum momento você já cogitou o suicídio, remova objetos que o facilitem.

Além disso, existem pessoas que te amam e se importam com você, deixar o número delas salvo como um plano de emergência também é sempre uma boa ideia para esses momentos. E ligar para o Centro de Valorização da Vida não deveria ser sua última opção, pessoas capacitadas a te ouvir estarão do outro lado da linha para te lembrar que a sua vida importa!

E para te ajudar a superar esses momentos, que tal usar um aplicativo que já deixa três números cadastrados? Você só precisara apertar um botão para receber ajuda! O Ajuda Já está disponível para iOS.

Pode ser que você tenha lido tudo até aqui mesmo sem se identificar com nenhum dos sintomas, ou nunca ter experimentado crises de depressão, mas como aquele amigo que sumiu nos últimos tempos está se sentindo? Você tem percebido algum comportamento de risco nas pessoas ao seu redor?

Comportamentos de risco que essas pessoas podem ter e você deve ficar de olho:

– Conversando ou fazendo planos para o suicídio.

– Expressando desespero sobre o futuro.

– Exibindo dor ou sofrimento emocional severo / intenso.

– Retirada ou alteração de conexões / situações sociais, afastando-se de colegas e atividades típicas

– Alterações no sono (aumentadas ou diminuídas)

– Raiva ou hostilidade que parece fora do personagem ou fora do contexto

– Recente aumento da agitação ou irritabilidade

– Engajar-se em comportamentos de auto-agressão, como cortar, queimar, bater a cabeça, etc.

– Deletar suas contas de mídia social ou deixar de usá-las quando antes faziam isso com frequência. Se você ver isso, verifique se está tudo bem.

Tiroteios escolares e violência

Felizmente a violência como mostrada na série, onde ocorre um tiroteio dentro da escola, é rara. Ouvimos falar de alguns desses casos nos Estados Unidos, mas no Brasil quase nunca. Apesar disso, não podemos deixar de refletir sobre os tipos de violência que estão por trás dessas histórias de terror.

Bullying

Em 13 RW havia um número de pessoas envolvidas em comportamentos de bullying (fisicamente, ameaçando, intimidando, etc.) e muitos machucados por eles. E esse tipo de humilhação é uma das principais causas do tópico anterior, por isso nosso objetivo aqui é que você saiba que, se estiver sendo intimidado, converse com alguém sobre isso.

Encontre um adulto em quem você confie, dentro ou fora de sua escola, e conte o que aconteceu com você. Pode ser assustador fazê-lo, e você pode sentir que está “dedurando”, mas a realidade é que você está se posicionando contra alguém que precisa de uma figura de autoridade para responsabilizá-los por suas ações. Diga a eles quem fez isso, quando aconteceu e o que aconteceu com você.

Deixe alguém levá-lo de lá e então você pode começar a curar e cuidar de si mesmo.

Cyberbullying também é um problema hoje e seus efeitos são sentidos em curto e longo prazo nas pessoas. Na internet, as pessoas se sentem mais seguras, porém algumas usam isso para coisas ruins e se escondem atrás de uma tela e age anonimamente, gerando qualquer tipo de ameaça de dano físico, emocional ou verbal (em palavras escritas), sexting e sextortion, assédio e intimidação.

Para se proteger, tenha cuidado com quem você aceita em suas redes, com quem você compartilha informações de contato e o que envia no seu telefone. Um excelente recurso para aprender sobre o cyberbullying e como se proteger pode ser encontrado em: https://cyberbullying.org. 

Abuso de substâncias

As descobertas da adolescência nem sempre são positivas e saudáveis… É nesse momento em que muitos jovens encaram a realidade das drogas e do álcool, e como em nossa cultura beber está associado a um status “descolado” muitos jovens acabam começando mesmo sem gostar.

Primeiro precisamos lembrar que o consumo de álcool é proibido por lei antes dos 18 anos e que drogas ilegais geram problemas não só para a saúde, mas também com a polícia.

É normal se sentir imortal aos 16 ou18 anos. A adolescência é uma fase de extremos, mas o que muitos jovens não percebem nesse momento é que podem se tornar viciados em álcool, drogas ilegais, medicamentos prescritos e até mesmo medicamentos de venda livre. No inicio não parece, mas você pode se tornar um viciado! E pode ser que você nem perceba que isso está acontecendo, até que já esteja na pior.

A ficha cai quando as conseqüências negativas começam a surgir… problemas acadêmicos, no trabalho, nos relacionamentos, além de também bagunçar as finanças (e claro, causar problemas judiciais). E às vezes fica mais fácil quem está de fora perceber do que quem esta viciado, a aceitação é um processo difícil para os adctos.

Sem intervenção e ajuda profissional, o vício pode se tornar uma ameaça à vida da pessoa e pode se tornar perigoso para os outros – pense em dirigir bêbado, agredindo alguém quando você está “chapado”, etc.

Violência Sexual

Alguns casos de violência sexual apareceram em 13 RW na primeira temporada e achamos importante que você conheça um pouco mais sobre eles para que possa se proteger. Este também é um assunto difícil, e queremos ser claros sobre o que estamos falando.

Agressão sexual é qualquer tipo de atividade sexual ou contato que você não consente, mas não pense que ela só acontece por meio de força física, muitas vezes o agressor se utiliza de ameaças, drogas ou álcool como parte do ataque. Esse tipo de agressão inclui estupro e coerção sexual.

O estupro é um tipo de agressão sexual que inclui a penetração sexual, não importa quão “leve”, se você está ou não sob a influência de uma droga que altera o humor, se não ha concessao, é considerado estupro!

A coerção sexual é uma atividade sexual indesejada que acontece quando você é pressionado, enganado, ameaçado ou forçado de maneira não-física. Coerção pode fazer você pensar que você deve sexo a alguém.
Nenhuma pessoa é obrigada a fazer sexo com outra pessoa!

Sinais de coerção sexual:

– Pedidos constantes e repetidos por sexo que geram desgaste emocional.

– Ser enganado ou ser prometido coisas que não eram verdadeiras para induzi-lo a fazer sexo.

– Ter alguém ameaçando terminar um relacionamento ou espalhar rumores sobre você caso não faça sexo.

– Ter uma figura de autoridade te pressionando a fazer sexo.

– Se você vivencia qualquer uma dessas experiências, denuncie! Existem leis e políticas públicas voltadas para a saúde da mulher e você pode procurar uma delegacia especializada.

Central de Atendimento à Mulher: ligue 180. 

Se você chegou até o final desse texto e está buscando ajuda, seja para você ou alguém querido, procure especialistas, psicólogos ou psiquiatras podem salvar vidas. Violência deixa cicatrizes para a vida inteira, mas suicídio é para sempre! Visões romantizadas de transtornos mentais podem agravar a situação de quem já está vulnerável, não propague ideias rasas sobre depressão, combinado?

Nós, da Pleni, dedicamos nossas vidas para cuidar do bem estar das pessoas. 😉

58 thoughts on “O que você, jovem, precisa saber!

  1. Pingback: O que os pais devem saber sobre a série 13 Reasons Why | Psiquiatria em Uberlândia | Pleni

  2. Pingback: bandarq online

  3. Pingback: UK Chat Rooms

  4. Pingback: go now

  5. Pingback: why not try this out

  6. Pingback: best game horse

  7. Pingback: bitstamp review

  8. Pingback: Drug-drug interactions

  9. Pingback: shemale.uk

  10. Pingback: PK Studies in rodents

  11. Pingback: Free Teen Chat

  12. Pingback: Share Movies

  13. Pingback: Riconoscimento facciale

  14. Pingback: click this over here now

  15. Pingback: cheap web hosting

  16. Pingback: International Movers

  17. Pingback: cloud purchase order

  18. Pingback: PK/PD Studies

  19. Pingback: GVK BIO India

  20. Pingback: webcap.fogbugz.com

  21. Pingback: GVKBIO company information

  22. Pingback: nowoczesne naszyjniki

  23. Pingback: bang poppers room aromas

  24. Pingback: Gvk bio

  25. Pingback: serviços informáticos

  26. Pingback: gvk biosciences

  27. Pingback: www.northjerseydryervent.com

  28. Pingback: Digital Marketing Outsourcing Works to Canada

  29. Pingback: Bilskrot

  30. Pingback: daftar di sini situs judi qq gabung di sini situs judi online daftar poker qq

  31. Pingback: daftar di sini situs judi qq gabung di sini situs judi online daftar poker qq

  32. Pingback: agen poker

  33. Pingback: transport medyczny ³ódŸ

  34. Pingback: kurs tañca towarzyskiego warszawa

  35. Pingback: agen judi online sasaqq

  36. Pingback: Situs Judi Online Terpercaya Di Indonesia

  37. Pingback: http://lapio.pl

  38. Pingback: CBD

  39. Pingback: yavsak sarp

  40. Pingback: got sarp

  41. Pingback: EOS

  42. Pingback: Best Sex Toys

  43. Pingback: dragoste

  44. Pingback: adblock

  45. Pingback: iphone

  46. Pingback: personalized gifts

  47. Pingback: writemypaper.net/reflective-essay

  48. Pingback: photoacompanhantes

  49. Pingback: travel industry merchant accounts

  50. Pingback: Website Design

  51. Pingback: Buy CBD Online

  52. gamefly

    Oh my goodness! Incredible article dude! Thanks, However I am encountering difficulties with your RSS.
    I don’t know why I can’t subscribe to it. Is there
    anyone else having identical RSS issues? Anyone that knows the
    solution will you kindly respond? Thanks!!

Deixe uma resposta